As ilhas dos Açores, natureza e aventura

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

AçoresOs Açores são um arquipélago formado por nove ilhas no meio do oceano Atlântico, a cerca de 1500 km de Lisboa.

O grupo central é o maior das ilhas açorianas, sendo composto pelas ilhas do Faial, Pico, São Jorge, Graciosa e pela Ilha Terceira. Foi em 1957, na ilha do Faial que ocorreu a ultima erupção vulcânica em território nacional. Esta ilha é conhecida pela sua popular marina, que é porto seguro para marinheiros e navegantes de todo o mundo. A capital do Faial, a cidade da Horta, é uma visita quase obrigatória pela sua beleza.

A ilha seguinte no grupo é a ilha do Pico. Esta ilha é o ponto mais alto de Portugal, com 2351 metros de elevação acima do nível do mar. Esta montanha na realidade é um vulcão. O Pico é muito conhecido pelas suas vinhas e pelo vinho tinto aqui produzido. São ainda muito conhecidos os passeios de barco para observação de baleias.

São Jorge é uma ilha longa e estreita. Tem belos e abruptos penhascos cortados por vales profundos. A vegetação também é aqui muito abundante. Muitos dos habitantes destas ilhas vivem em “pisos”, as chamadas fajãs, perto do mar. Como o terreno é muito irregular, por vezes o acesso às fajãs é difícil

A Graciosa é a segunda ilha mais pequena e aquela com menos elevação em relação ao nível do mar. O local mais popular aqui é a Caldeira, uma antiga cratera do vulcão. A única forma de aceder a este local maravilhoso é através de um túnel que termina dentro da caldeira. À saída do túnel somos presenteados com uma bela paisagem, dominada pelo verde e pelo lago no fundo da caldeira. Este local é classificado como Património de la Humanidade.

A última ilha no grupo central é a ilha da Terceira. Esta ilha é considerada a mais moderna das nove ilhas. Muitas pessoas acreditam que este facto é devido a aqui ficar também a base aérea das Lajes, usada pelos americanos. Na Terceira podemos encontrar ainda algumas grutas e um lago subterrâneo

No grupo oriental encontram-se as ilhas de São Miguel, Santa Maria e ainda um grupo de rochedos e recifes oceânicos, situados a nordeste de Santa Maria, chamado ilhéus das Formigas, ou simplesmente Formigas, que em conjunto com o recife do Dollabarat, constituem a Reserva Natural do Ilhéu das Formigas, um dos locais mais importantes para conservação da biosfera marinha no nordeste do Atlântico.

São Miguel também é conhecida como a ilha verde, sendo a maior ilha açoriana, assim como uma das mais povoadas. Tem muitas povoações costeiras e algumas praias. Aqui podemos encontrar muitas e agradáveis actividades recreativas, como passeios de barco e observação de baleias, passeios pedestres e a cavalo, apenas para nomear alguns. A cidade maior de São Miguel é Ponta Delgada, que também é a capital dos Açores.

A última das nove ilhas é Santa Maria que é a mais próxima do continente europeu. Esta ilha tem o clima mais quente de todas, bem como as melhores praias do arquipélago. A praia Formosa, por exemplo, é uma estreita faixa de praia, situada numa baía Esta praia é muito conhecida ainda devido ao festival “Maré de Agosto”, um festival onde actuam músicos de todo o mundo.

Como podemos ver, cada uma das ilhas açorianas tem um carácter e beleza muito próprios É como se pudéssemos viajar no mesmo local, a partir do momento da sua formação, como a ilha das Flores e as suas quedas de água até ao dia de hoje, com a Terceira e a sua modernidade.

Aproveite e visite um dos últimos santuários da natureza, em Portugal e no mundo, as Ilhas dos Açores.

Booking.com

One Response

Deixe o seu comentário

SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...