As praias de Mafra

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

praiasHoje vamos rumo a Mafra, detendo-nos na Ericeira, para a partir daqui percorrer este município do distrito de Lisboa. Uma boa rede viária facilita o acesso a Mafra, permitindo comunicações com as cidades de Torres Vedras, Sintra, Loures, Sobral de Monte Agraço e Lisboa. A autoestrada A8 que liga Lisboa e Leiria tem saídas para Mafra na Venda do Pinheiro, Malveira e Enxara dos Cavaleiros.

A faixa costeira do concelho de Mafra ocupa uma faixa com mais de 11 quilómetros, entre baías e rochedos, a maioria pertencendo à pitoresca vila da Ericeira

Mafra com as suas praias de grande beleza natural e que possuem uma forte concentração de iodo, impõe-se como um excelente destino de praia e escolha dos amantes do surf e bodyboard.

 

As praias do concelho de Mafra

  • Praia da Calada: uma pequena baía protegida por arribas altas com aceso fácil. Esta praia é essencialmente frequentada por pescadores e por habitantes locais. Local agradável e de grande beleza natural.
  • Praia de São Lourenço: das mais concorridas da zona e bem equipada. Fica a norte de Ribeira de ilhas, onde a ribeira de São Lourenço desagua no mar. Forma uma pequena baía abrigada e tem algumas esplanadas interessantes e com boa vista na falésia que domina a praia.
  • Praia dos Coxos: preferida pelos surfistas, pequena e tranquila. Faz também as delícias dos mais pequenos pois junto às rochas há formação de lagoas.
  • Praia de Ribeira D’Ilhas: uma das melhores praias para a prática do surf devido à qualidade das ondas. Fica a norte da Ericeira e a configuração desta praia, em anfiteatro, proporciona excelentes ângulos de visão para o público e para os fotógrafos que ocorrem aos campeonatos aqui realizados.
  • Praia da Orelheira: é quase um lugar privado. É uma pequena praia rochosa, localizada a sul de Ribeira D’Ilhas, cujo acesso se faz a pé, a partir da Praia da Empa. É pouco conhecida e frequentada, não tendo por isso vigilância. É propícia à prática de desportos radicais e à caça de pequenos crustáceos.
  • Praia da Empa: solitária, a que se pode aceder apenas durante a baixa mar. É uma praia de pequenas dimensões, também conhecida como Praia do Campismo ou da Pedra Branca. Frequentada essencialmente por bodyboarders, não é vigiada e não tem infra-estruturas de apoio para além do bar.
  • Praia do Matadouro: com pouco areal e de pequenas dimensões, é vigiada apenas durante a época balnear. Rodeada de arribas altas, é frequentada essencialmente por surfistas e bodyboarders.
  • Praia de São Sebastião: com um areal pequeno, rodeada de arribas e localizada a norte da Ericeira. Com boas infra-estruturas de apoio, é vigiada. É frequentada pelos habitantes locais devido à proximidade da localidade.
  • Praia do Norte: é separada da Praia de S. Sebastião por uma formação rochosa. Tem pequenas dimensões e é um pouco ventosa. Tem boas infra-estruturas de apoio e é vigiada.
  • Praia do Peixe ou dos Pescadores: das mais concorridas na Ericeira. Localizada mesmo no centro da vila da Ericeira, foi o local do embarque do rei D. Manuel II para o exílio em Inglaterra, aquando da Implantação da República a 5 de Outubro de 1910.
  • Praia do Sul: também conhecida como praia da Baleia. É constituída por um pequeno areal. Tem boas infra-estruturas de apoio e é abrigada do vento, sendo muito procurada no verão.
  • Praia da Foz do Lizandro: a maior do concelho de Mafra. Fica a sul da Ericeira, na foz do rio Lisandro que aqui forma uma extensa lagoa, é uma praia de areal extenso e mar batido. Não faltam apoios de praia que incluem barcos de aluguer para passear na lagoa.
  • Praia de São Julião: com as melhores condições em toda a região. Rodeada por arribas altas, é escolhida pelos surfistas e bodyboarders.

O singular modo das suas gentes é motivo suficiente para recomendar a visita a esta região. Faça a sua reserva de Hotel na Ericeira e descubra uma zona cheia de historia e grandes paisagens naturais.

Foto: epha no Flickr

Deixe o seu comentário

SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...