Férias: O que devemos levar na mala de primeiros socorros?

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

Chegam as férias e sempre que vamos de viagem, de fim-de-semana, escapadela, etc., devemos preparar a mala de primeiros socorros para ir connosco para qualquer eventualidade.

E desta vez até temos de ter mais cuidado porque o período de ausência será mais prolongado. Mas como se prepara uma boa mala de primeiros socorros? O que devemos levar lá dentro? É o que vamos ver se seguida.

primeiros socorros

O que é imprescindível na mala de primeiros socorros

Dentro de qualquer mala de primeiros socorros, independentemente do destino, há que levar uma série de artigos imprescindíveis e que nos podem livrar de apuros. Um deles é o termómetro para (obviamente) saber quando se tem febre e qual a sua intensidade.

É ainda importante levar também anti-inflamatórios, anti-sépticos e analgésicos para possíveis dores, como por exemplo de cabeça ou musculares, entre outras.

Devem ser também incluídos antiácidos ou antipiréticos para acabar com a acidez do estômago ou com as indigestões, que costumam ser habituais durante o verão com os excessos de comida e com a mudança de hábitos alimentares.

Também não devem faltar laxantes e antidiarreicos porque durante o período de férias (porque comemos de forma diferente) podem surgir tanto episódios de prisão de ventre como diarreias, os quais é preciso tratar rapidamente para nos voltamos a sentir bem e podermos aproveitar as férias.

E, naturalmente, devemos ainda levar produtos para tratar as picadas de mosquitos e repelente de insectos, o protector solar, bem como outros produtos para curar feridas como gazes, tesoura, pensos rápidos e tintura de iodo.

mala de primeiros socorros

Medicamentos

Naturalmente que também é preciso não nos esquecermos de levar os medicamentos habituais que eventualmente podemos andar a tomar, tendo atenção para contar bem as doses de forma a ter as quantidades necessárias para todos os dias em que vamos estar de férias.

Deve ser dado um especial cuidado quando vamos viajar de avião e os medicamentos são líquidos. Neste caso, há que ter em conta que no caso de ser mais 100 ml estes devem ir na bagagem de porão. Se os medicamentos forem necessários durante o trajecto, devem ser apresentados no controlo de segurança com receita médica a acompanhar de forma a validar a sua necessidade.

Quando se viaja para o exterior é conveniente consultar previamente o médico para ver se há necessidade de tomar algumas vacinas ou se há necessidade de levar possíveis medicamentos adicionais na mala de primeiros socorros.

Lembre-se que poderá haver medicamentos vendidos em Portugal que nem sempre se podem encontrar noutros países, mesmo que sejam da União Europeia, ou então que são comercializados com outro nome. Também se pode dar o caso de um medicamento existir noutros países, mas ter uma composição diferente. Por essa razão tenha sempre muito cuidado nestes casos.

Concorda com a nossa mala de primeiros socorros? Acha que deviam ser incluídas outras coisas? Deixe-nos a sua opinião na caixa de comentários.

Deixe o seu comentário

SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...