Mais Turismo

As 10 montanhas mais estranhas e impressionantes do mundo

Podem não ser uma montanha enorme como o Monte Evereste, mas a beleza de uma montanha é muito mais do que simplesmente uma questão de metros.
Quando se trata de montanhas, a altura não é tudo. Vêm em todas as formas e tamanhos e, muitas vezes, as mais invulgares são as mais atraentes e gratificantes de visitar. Dos picos cobertos de gelo da Patagónia às colinas de chocolate das Filipinas, hoje levamos-vos a um passeio pelas montanhas mais bizarramente moldadas do mundo.
Colunas Zhangjiajie

Colunas Zhangjiajie, China

Se estas misteriosas colunas de arenito ricas em quartzo no Parque Florestal Nacional de Zhangjiajie não parecem familiares, deveriam.
Um dos mais altos dos 3.000 pilares do parque foi nomeado a Coluna do Céu do Sul, embora mais tarde tenha passado a chamar-se a Montanha Aleluia de Avatar, depois das criaturas de cor azul do filme. Elas foram a inspiração para as montanhas flutuantes no filme de James Cameron.

Monte Mouaroa, Moorea

Moorea, na Polinésia Francesa, é considerada uma das mais belas ilhas do Pacífico. Com 761 metros de altura, Mouaroa não é o pico mais alto da ilha vulcânica, mas é provavelmente o mais impressionante – boa sorte para chegar ao topo!

Montanhas Arco-íris, China

As coloridas Montanhas Rainbow da China parecem uma obra de arte. Localizado no Parque Geológico Nacional Zhangye Danxia, os picos elevam-se a centenas de metros. As cores invulgares são o resultado da prensagem do grés com minerais há mais de 24 milhões de anos.

Devil’s Tower, EUA

Localizada nas Montanhas Bear Lodge do Wyoming, a Torre do Diabo, com apenas 386 metros, foi o primeiro Monumento Nacional nos Estados Unidos.
É conhecida e famosa por ter siso o cenário do filme clássico de Steven Spielberg, “Encontros Imediatos do Terceiro Tipo”. Tem sido, desde então, uma atração turística.

Chaminés de Fada, Turquia

Consegue imaginar subir ao topo de um destes pináculos? Se está a pensar no que estamos a pensar, provavelmente não está entre as suas opções.
Estas chaminés na Capadócia turca são o resultado de fluxos de lava provenientes de erupções vulcânicas. Séculos atrás, os monges abriam-lhes um buraco para construírem as suas próprias casas dentro das chaminés. Um clérigo até vivia em cima de uma.

Monte Kinabalu, Malásia

A altura do Monte Kinabalu (4.092m) e a linha de contorno mais baixa circulada num mapa fazem dele a 20ª montanha mais proeminente do mundo.
Localizada no Parque Nacional Kinabalu, na ilha malaia de Bornéu, a montanha e os seus arredores são o lar dos orangotangos e é um dos lugares mais diversificados biologicamente da Terra.

Cordilheira Bungle Bungle, Austrália

Parecendo colmeias gigantes, estas torres em forma de cúpula na cordilheira Bungle Bungle da Austrália são extremamente frágeis e a sua escalada é estritamente proibida.
Ficam no Parque Nacional de Purnululu, casa do povo aborígene há mais de 20.000 anos.

Cerro Torre, Patagónia

A inclinação, afastamento e robustez dos 3,128 metros da Cerro Torre tornam-na acessível apenas aos melhores alpinistas do mundo, como David Lama.
Exigem o mais alto nível de capacidade de escalada em rocha e gelo, embora a cereja no topo do bolo venha no final, uma vez que o cume é um enorme cogumelo gelado formado pelos famosos ventos patagónicos fortes, tornando o cume muito mais difícil de alcançar.

Monte Otemanu, Bora Bora

Do topo do pico de 727 metros do Monte Otemanu, há vistas espetaculares da lagoa e dos recifes de coral que rodeiam a ilha de Bora Bora. A desvantagem é que, até hoje, não pode ser escalada, pois a rocha vulcânica é demasiado frágil e perigosa.
Ainda assim, o espetacular cenário oferecido pela natureza pode ser desfrutado a partir da vegetação da montanha. Otemanu e o seu vizinho, o Monte Pahia, são os restos de um vulcão extinto que outrora se encontrava no centro da ilha.

Colinas de Chocolate, Filipinas

Há mais de 1.260 colinas de chocolate espalhadas por uma área de 50 km² na província de Bohol, nas Filipinas. Tinham esse nome porque a erva verde que cobre as colinas fica castanha de chocolate na estação seca, dando-lhes o aspecto de centenas de beijos de chocolate. A colina mais alta tem apenas 120 m de altura.
Exit mobile version