As companhias aéreas mais seguras do mundo

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

companhia aéreas mais segurasAs companhias aéreas mais seguras do mundo. Lamentavelmente o ano de 2014 foi um ano nefasto no que a acidentes de avião diz respeito. Por essa razão são cada vez mais as pessoas com medo de voar. Apesar de tudo, não nos devemos esquecer que o avião ainda continua a ser um dos meios de transporte mais seguros, pelo que não nos devemos deixar contagiar pelo pânico dos últimos acidentes aéreos.

Sem dúvida que as companhias aéreas têm muito a ver com o sentimento de medo dos passageiros. E a realidade é que estatisticamente há companhias aéreas mais seguras do que outras. Hoje queremos falar precisamente sobre as que nos oferecem uma maior segurança, de acordo com o portal especializado AirlineRatings.com, que todos os anos apresenta uma lista com as dez companhias aéreas mais seguras do mundo, tendo em conta factores relacionados com as auditorias de determinados organismos, governos e o registo de mortalidade de cada companhia. Quer saber mais? Vamos conhecê-las:

 

Qantas (Austrália)

Em primeiro lugar encontramos a australiana Qantas, que nunca teve um acidente com um avião a jacto, embora já tenha havido acidentes fatais com aviões a hélice. O êxito da segurança desta companhia reside, entre outros factores, no desenvolvimento do sistema Fligth Data Record, que monitoriza tanto o rendimento da tripulação, como o avião.

 

Finnair (Finlândia)

A seguinte companhia aérea da lista é a Finnair, a principal companhia aérea da Finlândia. Fundada em 1923 por Bruno Lancander, tem o seu centro de operações no aeroporto de Helisinki-Vanta. Não sofreu qualquer acidente desde 1963.

 

Cathay Pacific (Hong Kong)

Com sede em Hong Kong, a Cathay Pacific sofreu dois acidentes ao longo da sua história. E não é porque seja uma companhia pequena, uma vez que viaja para mais de 50 destinos nos 5 continentes.

 

Air New Zealand (Nova Zelândia)

A Air New Zeland é uma companhia aérea neozelandesa fundada em 1940. É a principal companhia aérea do país, operando em voos regulares para 25 destinos nacionais e 26 destinos internacionais na Europa, Ásia, América do Norte e Oceânia.

 

Singapore Airlines (Singapura)

A principal companhia aérea de Singapura, a Singapore Airlines, é a quinta companhia aérea mais segura do mundo de acordo com a AirlinesRating.com. Uma das suas peculiaridades é o facto de ter à sua disposição o avião de passageiros maior do mundo: o Airbus A380.

 

Ethihad Airways (Emirados Árabes Unidos)

A seguinte na lista é a Ethihad Airways dos Emirados Árabes Unidos, uma companhia aérea que teme a sua base em Abu Dhabi. Para além de ser uma das companhias mais seguras, também se encontra nos primeiros lugares no que respeita à qualidade de serviço e de voo.

 

Emirates (Emirados Árabes Unidos)

Na sétima posição encontramos a Emirates, uma companhia aérea do Dubai. Fundada em 1985, nunca teve qualquer acidente, pelo que não é de estranhar que faça parte desta lista.

 

British Airways (Inglaterra)

Voltamos à Europa para falar da British Airways, a principal companhia aérea do Reino Unido. Criada em 1974, opera para 169 destinos em todos os continentes e ainda assim tem a honra de se encontrar entre as mais seguras do planeta.

 

Lufthansa (Alemanha)

Considerada a companhia aérea maior da Europa, a Lufthansa também entrou nesta lista das companhias aéreas mais seguras. Com sede em Colónia na Alemanha, já foi várias vezes considerada nos World Airlines Awards como sendo a melhor companhia aérea do velho continente.

 

Eva Air (Taiwan)

Finalizamos a nossa lista de companhias aéreas seguras com a menos conhecida do ranking. Trata-se da Eva Air, uma companhia aérea de Taiwan nascida apenas em 1989. Chama a atenção o facto de ter sido a primeira companhia aérea de Taiwan a receber o IOSA, que é a acreditação de segurança outorgada pela Associação Internacional de Transportes Aéreos (IATA).

 

Baixo custo não significa menos segurança

Este ano, o site elaborou também uma lista com as 10 melhores companhias aéreas de baixo custo para 2015. O AirlineRatings.com apresenta a lista por ordem alfabética: Aer Lingus (Irlanda), Alaska Airlines (EUA), Icelandair (Islândia), Jetblue (US), Jetstar (Austrália), Kulula.com (África do Sul), Monarch Airlines (UK), Thomas Cook (UK), TUIfly (Alemanha) e WestJet (Canadá).
O AirlineRatings.com explica que de um máximo de 7 estrelas atribuídas, uma é retirada, durante 10 anos, sempre que uma companhia se vê envolvida num acidente que resulte em passageiros ou tripulantes mortos.

Das 449 companhias áreas monitorizadas, 149 têm as sete estrelas (a TAP tem seis), quase 50 tem só três ou menos estrelas. Quatro só têm uma: duas do Nepal – Tara Air e Nepal Airlines, Scat Airlines, do Cazaquistão, e Kam Air, do Afeganistão. Nenhuma destas têm autorização para voar na União Europeia.

 

Qual a companhia aérea por que irá optar na sua próxima viagem?

Imagem Grogri via Flickr

Booking.com

Deixe o seu comentário

SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...