Barragem de Castelo de Bode, um oásis no centro de Portugal

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

barragem de castelo de bodeEntre os anos de 1945 e 1951 foi construída a barragem de Castelo de Bode no rio Zêzere entre os concelhos de Tomar e de Abrantes. Esta foi uma das grandes obras do Estado Novo e uma das maiores construções feitas em todo o país. A obra esteve sob a direcção do projectista eng. A. Coyne e a empresa construtora foi Moniz da Maia & Vaz Guedes.

A barragem é de betão, por gravidade, mas com curvatura. A altura máxima acima da fundação é de 115 metros. A cota do coroamento é de 124,3 m, e o comprimento do coroamento é de 402 m. As fundações são de gneisse e micaxisto. A barragem tem um volume total de betão 430000 m³.

A barragem de Castelo de Bode é utilizada para abastecimento de água, designadamente a Lisboa, produção de energia eléctrica, defesa contras as cheia e para actividades lúdicas e recreativas.

Com a construção da barragem foi criado um reservatório com uma bacia hidrográfica com mais de 60 quilómetros, a maior albufeira do país, tendo só perdido esse estatuto após o surgimento do Alqueva, mas nunca perdeu a sua importância e o seu encanto inigualável. Alimentada pelo curso do rio Zêzere, esta reserva de água passa pelos concelhos de Abrantes, Figueiró dos Vinhos, Ferreira do Zêzere, Sardoal, Sertã, Tomar e Vila de Rei, estando rodeada por uma vegetação frondosa onde predominam os pinhais e abrigando na sua extensão belezas escondidas, atracções irresistíveis e verdadeiros oásis de tranquilidade, sendo, por isso, um local de eleição para momentos de recreio e lazer – a sós, com amigos ou em família.

Mas vamos ao que mais interessa (para além da produção de electricidade ou do fornecimento de água). Toda a bacia hidrográfica transformou-se num importante destino de férias onde podem ser levadas a cabo muitas actividades recreativas. Nas margens, podemos fazer caminhadas num contacto directo com a natureza. Já as águas deste enorme lago proporcionam, para além da possibilidade de refrescantes mergulhos, a prática dos mais variados desportos náuticos, como windsurf, vela, remo, motonáutica e jet ski , e também pesca desportiva à truta, achigã, enguia e lagostim vermelho, por exemplo, e passeios de barco. De salientar que a praia fluvial do Lago Azul em Ferreira do Zêzere já recebeu um Campeonato Mundial de Wakeboard onde estiveram inúmeros adeptos e curiosos da modalidade.

barragem do castelo do bode

Praias fluviais na Barragem de Castelo de Bode

As praias fluviais, com as suas águas cristalinas e de temperatura agradável, vão pontuando nas margens da albufeira. Algumas da mais conhecidas são o Penedo Furado, Zaboeira, Alverangel e Castanheira. Um destaque especial vai para a praia da Aldeia do Mato, um centro de veraneio bastante concorrido e com uma belíssima paisagem florestal envolvente, que disponibiliza uma piscina flutuante vigiada, um cais de acostagem e equipamento para a prática de desportos náuticos. Está ainda equipada com balneários, bar e restaurante e tem parque de campismo e bungalows.

castelo de bode

Vila de Dornes

Localizada a dez quilómetros de Ferreira do Zêzere, numa pequena península, esta pequena e pitoresta vila merece uma visita, quer pela sua localização, vistas ou casario muito pitoresco. Dornes tem ainda muitas lendas e tradições associadas. A dominar as casas baixas e predominantemente brancas está uma torre medieval, que se julga ter sido construída pelos cavaleiros Templários para vigiar o profundo vale do rio Zêzere. A fundação da aldeia remonta ao século XII e está ligada ao aparecimento de uma imagem milagrosa de Nossa Senhora do Pranto. A primeira igreja foi mandada construir pela rainha Santa Isabel em finais do século XIII, substituída por uma de maiores dimensões já no século XV.

 

E você? O que espera para ir até à Barragem do Castelo de Bode, um oásis escondido no centro do país?

Booking.com

Deixe o seu comentário

SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...