arabia saudita

Lugares proibidos a mulheres

Lugares proibidos a mulheres. Em pleno século XXI parece mentira a existência de lugares no mundo onde o acesso às mulheres é proibido. Na maioria destes locais não é permitido o acesso ao sexo feminino devido a questões religiosas, embora também existam outros motivos para esta proibição. Queremos hoje falar precisamente desses lugares que não poderá visitar, se é do sexo feminino. Esta é uma informação útil se estiver a planear uma viagem a qualquer destes locais.

Monte Athos – Grécia

monte athosEm primeiro lugar, queremos falar do Monte Athos na Grécia, um dos lugares mais impenetráveis da Europa. E não é apenas um lugar proibido para mulheres uma vez que também não são permitidos animais fêmeas. Em relação aos homens, precisam de uma permissão especial para o poderem visitar, permissão essa que também é muito difícil de obter. A origem desta proibição data de meados do século XI, quando o imperador bizantino decidiu não deixar as mulheres aceder a esta zona sagrada para não serem uma tentação para os homens que ali viviam. Declarado Património da Humanidade desde 1998, o Monte Athos continua a ser inacessível ao sexo feminino. Na realidade, as mulheres devem estar a pelo menos 500 metros deste lugar.

Também na Grécia podemos encontrar certos locais chamados de Kafenion, onde também é proibida a entrada a mulheres. Aqui, os homens mais velhos reúnem-se depois do trabalho para jogar às cartas, beber cerveja, uzo, retsina ou café negro, e conviver. A maioria destes locais fica em pequenas aldeias de Atenas.

Monte Omine – Japão

monte omineOutro monte que proíbe a entrada de mulheres é o Monte Omine, uma montanha sagrada que tem um templo budista no topo, a uns 5.640 metros de altura. Declarado Património da Humanidade em 2004, este lugar tem um letreiro à entrada a informar da proibição, devido ao mesmo motivo do Monte Athos: evitar a tentação dos monges. Com efeito, nos últimos 1.300 anos apenas os homens ali acederam. Se tiver a oportunidade de visitar a zona, deve saber que existem guias que fazem visitas pelas montanhas que rodeiam este lugar.

Arábia Saudita

arabia sauditaEmbora não seja proibido às mulheres entrar na Arábia Saudita, estas devem ser acompanhadas por alguém do sexo masculino. Também é importante saber que neste país não é permitido às mulheres conduzir. Para além disso, as mulheres também não podem usar os balanços (dos parques), já que é considerado uma incitação para os homens abusarem sexualmente delas. Também não podem ter trabalhos remunerados, nem viajar sozinhas.

Haji Ali Dargah – Índia

Lugares proibidosOutro lugar religioso proibido para as mulheres é o templo de Haji Ali Dargah, situado em Bombaim na Índia. Mais concretamente, não lhes é permitido o acesso ao túmulo onde se encontra Pir Ají Ali Bujhari, uma vez que segundo a sharia, conhecida no ocidente como a lei muçulmana, a mistura entre homens e mulheres em qualquer local é proibida, para além de não ser permitida às pessoas do sexo feminino a visita a túmulos. Esta medida foi tomada depois de em 2005 uma mulher se ter aproximado deste santuário vestida de forma inadequada. Por outro lado, é importante saber que muitos templos hindus proíbem a entrada a mulheres menstruadas.

Parque Galaxy – Alemanha

Embora existam outros sítios do mundo proibidos às mulheres (clubes italianos, a praia de Mlimadji nas Ilhas Comores, um museu maori, um hotel gay em Nice, etc.) queremos terminar falando de uma atracção que se encontra num parque aquático da Baviera na Alemanha. Estamos a falar do Galaxy, uma atracção que já provocou feridas nas zonas genitais de algumas mulheres ao deslizar a 50 km/h, pelo que foi proibida pelos responsáveis do complexo.

Booking.com

Sem comentários

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...