Subir à Torre Eiffel

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

A Torre Eiffel será provavelmente o monumento mais emblemático e ligado à cidade de Paris que conhecemos. A primeira vez que vimos a Torre Eiffel somos surpreendidos pela sua grandeza, que mesmo de avião se destaca na paisagem de Paris. Depois, ao visitar a cidade, parece que inconscientemente o nosso olhar a procura, sendo essa a misteriosa atracção que exerce, tornando-se no ícone e guia de Paris.

O simples facto de nos acercarmos e estarmos junto a ela, é espectacular, e subir ao topo, uma experiência inesquecível. Uma forma diferente de se aproximar da Torre Eiffel é de barco, num passeio pelo rio Sena, que costumam fazer uma paragem perto. Também o acesso pelo Champ de Mars é bonito.

Se for de metro, o melhor será sair na estação de Trocadero, que mesmo não estando muito perto, permite ter uma melhor perspectiva e conhecer também os jardins de Trocadero com as suas espectaculares fonte e o Palácio de Chaillot.

Existem outra alternativas interessantes com vistas panorâmicas sobre Paris, mas sem dúvida esta será a mais emblemática. No entanto, é também a mais concorrida: diz-se que a Torre Eiffel é o monumento mais visitado em todo o mundo, com 6 milhões de visitas anuais.

O melhor a fazer para a visitar será mesmo madrugar para não apanhar muitas filas, e se estiver vários dias em Paris então evite escolher o fim de semana para a visita. Aos sábados e domingos a quantidade de visitantes que querem subir à Torre aumenta consideravelmente. Também tenha em consideração que os dias em Paris nem sempre são cheios de sol, pelo que em dias enevoados as vistas lá do alto não serão nada de especial.

Se tiver problemas de vertigens, pode escolher ficar no primeiro ou segundo níveis para os visitantes. O primeiro nível está a 57 metros de altura e o segundo nível a 115 metros do solo e dali parte o elevador que leva ao terceiro nível, a 276 metros de altura. A Torre Eiffel tem uma altura total de 324 metros.

Ao primeiro e segundo níveis pode-se subir por elevador ou por escadas, mas cuidado que são mais de 1600 degraus. Pela subida podemos ver painéis explicativos sobre a construção do monumento. As vistas são fabulosas de ambos os andares, principalmente do segundo nível. Se decidir subir lá ao alto, além de ter a oportunidade de contemplar Paris de uma altura de 115 metros, terá ainda de apanhar um novo elevador, este mais pequeno, para ir até ao cimo. Novamente terá que aguardar na fila…

No primeiro nível fica o restaurante Altitude 95, e no segundo nível existe outro restaurante, o Jules Verne.

Após subir à zona mais alta da Torre Eiffel poderá finalmente desfrutar de umas vistas panorâmicas excelentes sobre a Cidade Luz. Aqui temos duas zonas, a primeira das quais, para os mais medrosos, está protegida por vidros, com painéis explicativos que nos mostram tudo que que estamos a ver. Na parte superior do vidro estão escritas as cidades mais importantes que iríamos encontrar se seguíssemos em linha recta, indicando a distância a que se encontram.

Subindo umas pequenas escadas, saímos para o ar livre. E se o dia estiver ventoso haverá mesmo muito ar! No entanto não existe nenhum perigo, pois há uma rede metálica de protecção. Aqui se mostra por detrás de expositores reproduções em figuras de cera de Gustave Eiffel e dos seus engenheiros a trabalhar no projecto da Torre, ou da filha de Eiffel a receber Thomas Edison.

A Torre é obra do engenheiro francês Gustave Eiffel e foi construída para a Exposição Universal de 1889, para comemorar o centenário da Revolução Francesa. Era para ser provisória, e esteve para ser desmontada em diversas ocasiões, mas acabou por ficar como símbolo de uma época e de um país.

Se viajar com um bebé, também pode subir à Torre. Vale a pena a visita. Os preços variam conforme subamos pela escadas ou pelo elevador, e a partir de qual andar faça a subida pelo elevador.

Mais algumas fotos da Torre Eiffel e dos seus arredores:

Booking.com

Deixe o seu comentário

SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...