praça do giraldo

Évora – Cidade com História

évoraPara iniciar este périplo pelo Alentejo, iremos conhecer a cidade mais importante da região, Évora, que será certamente uma surpresa para quem nunca visitou esta bela urbe.

A sua zona histórica tem méritos e atracções que elevaram esta cidade, em 1986, a Património da Humanidade pela UNESCO.

Aqui convivem as muralhas de todos os povos que aqui passaram, deixando a sua marca. É o que pretendemos mostrar com a foto que ilustra este artigo. Aqui vemos as colunas que ainda permanecem de pé no antigo Templo de Diana (Século II DC) erguido pelos romanos. Por trás delas, adivinha-se a figura da torre árabe e ao seu lado, o portão do Convento dos Loios, convertido hoje em dia numa Pousada.

capela dos ossosOs romanos apelidaram-na de Ebora Cerealis, nome lógico já que se encontra numa vasta zona de produção de cereais. Foram também os romanos que construíram a primeira muralha ou Cerca Velha, reformada e mantida por visigodos e árabes, entre os séculos I e XII.

Na parte alta da colina sobre a qual assenta Évora, pode ver-se ainda parte desta muralha e algumas portas, como a Porta da Moura.

Mais além, o magnífico Aqueduto da Agua da Prata que se estende desde os arredores da cidade. Percorrendo as ruas de Évora podemos encontrar alguns dos seus arcos ainda de pé. Estas obras de engenharia sofreram alterações no século XVI para garantir o transporte de agua desde uma fonte natural a 15 quilómetros.

A passagem dos árabes por esta região, tornou Évora uma das suas principais cidades. Aproveitando as estruturas defensivas romanas que encontraram, construíram dentro das muralhas um sem fim de ruas e ruelas, que se mantiveram até aos dias de hoje.

“Nos séculos XI e XII foi residência habitual dos reis portugueses. A cidade de Évora era ponto de convergência de artistas de renome, apoiados pelo mecenato e pela dinastia reinante em Portugal, a Casa de Avis. Encontramos aqui obras de diversos estilos: manuelino, árabe, renascentismo e mesmo do maneirismo (ou maniqueísmo).

A riqueza proporcionada pelos descobrimentos (ouro, escravos, especiarias), criou condições particularmente favoráveis para que assumisse uma vocação de centro cultural. Destacam-se dessa época as numerosas mansões aristocráticas da cidade; a universidade jesuíta, fundada en 1559 e uma maravilhosa serie de edifícios de estilos manuelino e renascentista.”

porta de évoraA Universidade do Espírito Santo, do século XVI, renascentista, conta com um pórtico de colunas de mármore e um esplêndido claustro barroco. A curta distancia encontra-se o Museu Municipal que ocupa um magnífico palacete que fora anteriormente o Palácio Episcopal.

Mas uma das maiores atracções da cidade será talvez a Catedral de Santa Maria da qual iremos falar no próximo artigo.

No entanto, não podemos deixar Évora sem visitar a Igreja de São Francisco, especialmente a Capela dos Ossos. Literalmente revestida de caveiras e ossos de 500 monges. Uma visão que espanta e atrai ao mesmo tempo “Nós, ossos que aqui estamos, pelos vossos esperamos”. Assim reza o arco de entrada na mesma.

E depois de ler isto, os meus “ossos” saíram a voar dali procurando um pouco do sol alentejano. E depois de beber um café, juntei forças para ir visitar a Catedral.

praça do giraldo

Alojamento em Évora

Évora é uma cidade com algumas boas ofertas e nível de alojamento. Aqui ficam algumas das melhores unidades hoteleiras da zona:

M’AR De AR Aqueduto – Este boutique hotel de 5 estrelas está ocupa um palácio do século XVI, possui uma bela capela e tectos em cúpula. Alberga um spa com uma piscina exterior e oferece vista para o aqueduto de Évora. O Restaurante Degust’AR serve uma mistura criativa de sabores alentejanos e mediterrâneos e está aberto para almoços e jantares. O Hotel M’AR De AR Aqueduto dispõe também de um bar com adega. Os quartos encontram-se elegantemente decorados e incluem uma secretária e uma área de estar confortável. Todas as casas de banho desfrutam de luz natural e estão separadas da área de dormir por uma enorme janela de vidro. O spa do Hotel M’AR De AR Aqueduto disponibiliza uma ampla gama de tratamentos e massagens, incluindo aromaterapia e tratamentos à base de lama. Os hóspedes poderão também relaxar no banho de vapor ou na sauna. O M’AR De AR Aqueduto está situado a 600 metros do Templo de Diana, da Catedral de Évora e da Praça do Giraldo. A Capela dos Ossos encontra-se a 800 metros do hotel.

praça giraldoConvento do Espinheiro – Rodeado por 80 000 m² de maravilhosos jardins, este hotel de 5 estrelas fica a 4 km do centro de Évora, instalado num convento renovado do século XV. Dispõe de um piano-bar e estacionamento gratuito. Os tratamentos de massagens estão disponíveis no spa do Convento do Espinheiro. As instalações de lazer incluem um campo de ténis, piscinas interior e exterior e um centro de fitness bem equipado. Os hóspedes podem desfrutar de cocktails no bar à beira da piscina do Convento do Espinheiro – A Luxury Collection Hotel & SPA. O Restaurante Divinus serve uma mistura de cozinha mediterrânea e portuguesa. Também está disponível uma grande selecção de vinhos. Os quartos no Convento do Espinheiro estão luxuosamente mobilados e têm uma televisão LCD com canais por satélite. Cada casa de banho privada da suite disponibiliza um roupão, chinelos e produtos de higiene pessoal. Alguns quartos têm um terraço privado.

Para mais ofertas de alojamento na cidade de Évora clique aqui

Imagens por Ken & NyettaPatrick Nouhailler, Heribert BechenPatrick Nouhailler no Flickr.

Booking.com

Sem comentários

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...