Os menus low cost

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

menus low costOs serviços aéreos mudaram completamente desde a aparição das empresas low cost. Já nos habituámos a ver serviços em quantidade e qualidade a preços baixos, muito baixo. Assim os menus low cost aparecem como o exemplo vivo (e escasso) deste acordo estabelecido entre as companhias aéreas e os passageiros: leva barato, mas não come.

Efectivamente, é ainda pior. Não será tanto o que dão a comer aos passageiros, mas a pequena fortuna que pretendem cobrar por uma mísera sandes ou uma lata de refrigerante.

Para trás ficaram os tempos em que contávamos com um serviço bastante completo: uma bandeja, mantas, comida com sabor reconhecível, até mesmo um copo de vinho para os apreciadores.

No entanto, a bandeja foi perdendo ingredientes. Os serviços em plástico vieram ocupar o lugar dos normais por razões de segurança e logística. O catering é subcontratado a terceiros. Apareceram as gelatinas no lugar das frutas e depois… mais nada…

Booking.com

Deixe o seu comentário

SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...